O verão reúne as características ideais para o surgimento das micoses, como umidade e calor. Tudo começa com uma coceira e ardência em alguma região do corpo; em seguida aparecem pequenas bolhas de água, descamação, vermelhidão e fissuras. Nem sempre é tão fácil diagnosticar os primeiros sinais da micose, mas o importante mesmo é prevenir. Para isso, evite andar descalço em áreas públicas, como academias, saunas e piscinas; não compartilhe objetos de uso pessoal, como calçados, roupas e toalhas; após o banho, seque bem os dedos e outras dobras do corpo. Fique atento a qualquer alteração na sua pele e converse com seu dermatologista.